Risadas :]

Para a sua diversão

Posts Tagged ‘Céu e Inferno’

Dividindo as almas

Posted by Meerstempel Badist em 3, julho, 2008

Em uma cidadezinha do interior havia uma figueira carregada dentro do cemitério. Dois amigos decidiram entrar lá à noite (quando não havia vigilância) e pegar todos os figos.Eles pularam o muro, subiram a árvore com as sacolas penduradas no ombro e começaram a distribuir o ‘prêmio’.

– Um pra mim, um pra você. Um pra mim, um pra você.
– Pô, você deixou esse dois caírem do lado de fora do muro!
– Não faz mal, depois que a gente terminar aqui pega os outros.
– Então tá bom, mais um pra mim, um pra você.

Um bêbado, passando do lado de fora do cemitério, escutou esse negócio de ‘um pra mim e um pra você’ e saiu correndo para a delegacia. Chegando lá, virou para o policial:

– Seu guarda, vem comigo! Deus e o diabo estão no cemitério dividindo as almas dos mortos!
– Ah, cala a boca bêbado!
– Juro que é verdade, vem comigo.

Os dois foram até o cemitério, chegaram perto do muro e começaram a escutar…

– Um para mim, um para você.

O guarda assustado:

– É verdade! É o dia do apocalipse! Eles estão dividindo as almas dos mortos! O que será que vem depois?
Lá dentro, os dois amigos já estavam quase terminando…
– Um para mim, um para você. Pronto, acabamos aqui. E agora?
– Agora a gente vai lá fora e pega os dois que estão do outro lado do muro…

Anúncios

Posted in Piadas | Etiquetado: , , , , , , , , , , , , , | Leave a Comment »

Cada um tem o castigo que merece

Posted by Meerstempel Badist em 10, abril, 2008

Um homem chega ao inferno e começa a sofrer uma série de tormentos.
Em um momento, olha ao redor e reconhece o seu advogado, que está deitado com uma belíssima mulher. O homem fala para o diabo:
– Isto é injusto! Eu tenho que passar a eternidade sob tormentos e esse sem-vergonha passa com uma mulher?
– Cale a boca! Quem é você para questionar o castigo desta mulher?

Posted in Piadas | Etiquetado: , , , , , , , , | Leave a Comment »

A freira e a Taxista

Posted by Marcelo Malta em 29, fevereiro, 2008

Em uma cidade do interior, viviam duas mulheres que tinham o mesmo nome: Flávia. Uma era freira e a outra, taxista.

Quis o destino, que morressem no mesmo dia. Quando chegaram ao céu, São Pedro esperava-as.
– O teu nome?
– Flávia
– A freira?
– Não, a taxista.
São Pedro consulta as suas notas e diz:
– Bem, ganhastes o paraíso. Leva esta túnica com “fios de ouro”. Pode entrar.
A seguir…
– O teu nome?
– Flávia
– A freira?
– Sim, eu mesmo.
– Bem, ganhastes o paraíso. Leva esta túnica de “linho”. Pode entrar.
A religiosa diz:
– Desculpe, mas deve haver algum engano. Eu sou Flávia, a freira!
– Sim, minha filha, e ganhastes o paraíso. Leva esta túnica de linho.
– Não pode ser! Eu conheço a outra, Senhor. Era taxista, vivia na minha cidade e era um desastre! Subia as calçadas, batia com o carro todos os dias, conduzia pessimamente e assustava as pessoas. Nunca mudou, apesar das multas e repreensões policiais. E quanto a mim, passei 65 anos pregando todos os domingos na paróquia. Como é que ela recebe a túnica com fios de ouro e eu esta?
– Não há nenhum engano – diz São Pedro. É que, aqui no céu, adotamos uma gestão mais profissional do que a de vocês lá na Terra…
– Não entendo! – disse a Freira.
– Eu explico: Já ouviu falar de GESTÃO DE RESULTADOS? Agora nos orientamos por objetivos, e observamos que nos últimos anos, cada vez que tu pregavas, as pessoas dormiam. E cada vez que ela conduzia o táxi, as pessoas rezavam!

Resultado é o que importa!

Posted in Piadas | Etiquetado: , , , , , , , | Leave a Comment »

Indo para o céu

Posted by Marcelo Malta em 7, fevereiro, 2008

Mais de meio século de harmonia total naquele casamento.
Daí ele morre e, não demora muito, ela também vai pro céu.
Lá encontra o marido e corre até ele:
– Queriiiidooooo! Que bom te reencontrar! Estava morrendo de saudades!
– Não vem não, assombração! O trato foi:
ATÉ QUE A MORTE NOS SEPARE. AGORA VAZA!

Posted in Piadas | Etiquetado: , , , | Leave a Comment »

Dia horrível

Posted by Marcelo Malta em 31, janeiro, 2008

O céu estava ficando muito lotado, então São Pedro resolveu baixar um decreto Para entrar no céu a pessoa deveria ter passado por um dia terrível no dia da sua morte.
O decreto entrou em vigor imediatamente.
Então, quando a primeira pessoa chegou, São Pedro perguntou:
– Como foi seu dia, como você morreu?
– Bom, já fazia muito tempo que eu estava desconfiando que minha mulher estava me traindo… então, resolvi voltar para casa mais cedo e pegá-la em flagrante. Quando cheguei em meu apartamento, que fica no 25º andar, minha mulher estava enrolada numa toalha, muito nervosa, e agindo de uma forma suspeita. Comecei a procurar em todos os cantos da casa (debaixo da cama, dentro do guarda-roupa, etc.), mas não encontrei ninguém.
Eu já estava desistindo de procurar, quando olhei para a sacada e vi o safado pendurado no corrimão. Transtornado, peguei a vassoura e comecei a bater na mão dele, até que ele se soltou e caiu do 25º andar.
Mas por infelicidade minha, ele caiu sobre um toldo que amorteceu a queda e ele não morreu.
Fiquei com tanta raiva que peguei o que tinha de mais pesado dentro de casa (a geladeira) e joguei em cima dele. Só que eu me emocionei tanto que tive um ataque do coração e morri.
– Realmente seu dia foi terrível! – disse São Pedro – Pode entrar!

Cinco minutos depois chegou o segundo candidato à entrada ao céu.
E São Pedro perguntou:
– Como foi seu dia, como você morreu?
– Bem, eu estava fazendo meus exercícios diários na varanda do meu partamento no 26º andar, quando escorreguei e caí. Por sorte, consegui me segurar no corrimão do apartamento abaixo do meu (25º andar). Já estava quase conseguindo me levantar, quando apareceu uma mulher enrolada em uma toalha e um maluco começou a bater nas minhas mãos com um cabo de vassouras, então caí. Mas como um toldo amorteceu minha
queda, não morri.
E lá estava eu todo dolorido tentando me levantar, quando o mesmo maluco jogou uma geladeira em cima de mim.
São Pedro começou a rir e disse:
– Já entendi tudo. Pode entrar!

Depois de mais cinco minutos, chegou o terceiro candidato.
E como de costume, São Pedro lhe perguntou:
– Como foi seu dia, como você morreu?
– Olha, o senhor não vai acreditar… mas eu estava pelado dentro de uma geladeira e até agora não entendi o que aconteceu…

Posted in Piadas | Etiquetado: , , , , | Leave a Comment »

Negociando com o capeta

Posted by Marcelo Malta em 15, janeiro, 2008

Lula tem uma crise cardíaca e morre! Claro que ele aparece no Inferno, onde o Diabo o aguardava.
O diabo diz a ele:
– Nem sei o que fazer com você. Evidente que você está na minha lista, porém não tenho mais lugar livre! Depois de refletir por alguns minutos ele diz:
– Já sei o que vou fazer: tenho aqui três pessoas que não são tão ruins quanto você. Vou mandar uma delas pro Purgatório e você deverá ficar no lugar dela. Até vou lhe fazer um favor: você poderá escolher quem você deve substituir! Lula acha até que a proposta não está tão ruim quanto ele esperava e concorda.
O diabo abre a primeira porta. Lá dentro está o Collor numa piscina na qual ele nada sem parar, mas quando se aproxima da borda, a borda recua e Collor continua a nadar, nadar e nadar…
– Não, diz Lula. Sinto que não vou me dar bem: sou mau nadador e acho que não conseguiria fazer isso o dia todo!
O Diabo o leva ao segundo compartimento. José Dirceu está lá, com uma marreta enorme quebrando pedaços de uma pedra gigante.
– Não, diz Lula. Tenho um tremendo problema nos ombros e seria uma agonia perpétua se eu tivesse que quebrar pedras o tempo todo!
O Diabo abre a terceira porta. Lá dentro está Renan Calheiros deitado numa cama com pés e mãos amarrados. Debruçada sobre ele, Mônica Veloso faz o que ela melhor sabe fazer na vida: sexo oral! Lula olha para aquela cena incrível durante um momento e diz:
– OK, fico com esse castigo!
O Diabo sorri e diz:
– Ok, Mônica, pode ir para o purgatório!

Posted in Piadas | Etiquetado: , | Leave a Comment »